Tudo o que fizemos está marcado para sempre!

Escrito por enjoadosdasul em 19/09/2018 22:56 na categoria Notícias Habbid

Editorial elaborado por :Thaiane


Se a Rádio da Habbid algum dia foi o coração do site, o Conteúdo com certeza foi o cérebro

Uma das coisas que transformou a Habbid no que ela era – um ícone em vários sentidos - foi a grande dedicação e profissionalismo que se legitimaram como premissas básicas dentro da equipe. Seja lá o que você fosse fazer, de qual área fosse membro, ser da Habbid significava que você se empenharia a fazer o melhor trabalho possível, na qualidade que todos conheciam: o padrão de qualidade da HD, que inspirou inúmeros leitores e fã sites ao redor do mundo. Além do profissionalismo, alguns outros elementos fizeram parte disso, que hoje enxergo como uma verdadeira cultura que se criou na equipe - traços, características, ensinamentos, laços quase que familiares que foram passados por anos e anos a quem chegava para fazer parte desse mundo. Em 12 anos, simplesmente manter a Habbid online não era o suficiente (nem o único objetivo): era preciso ensinar aos novos membros o jeito Habbid de fazer as coisas - notícias, campanhas e eventos, moderação, locução e muitas outras atividades que tinham suas marcas.

Dentro dessa cultura haviam muitos ensinamentos e lições. Desde as táticas de Administração que eram passadas dos antigos para os novos, até os treinamentos que fazíamos para formar novos membros ou prepará-los para subir de cargo (a maioria nem percebia que estava passando por isso!), de alguma forma as pessoas que construíram a Habbid fizeram com que ela se tornasse uma verdadeira e séria empresa, capaz de fornecer uma experiência única de aprendizado a qualquer adolescente que passasse por ela. Um site feito por jovens e para jovens formou verdadeiros adultos - não faltam exemplos disso por aí. 

Nos itens abaixo você pode ver alguns dos itens e informações que faziam parte da cultura da equipe Habbid, alguns exclusivos de alguns cargos, outros mais gerais. Entretanto, acho que vale a pena lembrar que a Habbid também dotava de muita espontaneidade - isso foi essencial -, especialmente em áreas mais interativas, como a Rádio. Muitas coisas foram planejadas, é verdade, mas muitas também foram só intuição, e acabaram dando resultados bem maiores do que qualquer um esperava - isso só pôde acontecer pois tivemos uma diversidade muito grande de pessoas e personagens com suas próprias individualidades, que juntas, se administradas, funcionavam bem.

 

Cultura da Habbid

 

 

Se divirta! 

"Nós não somos uma Igreja, apesar de até termos programas gospel às vezes" (Moreno) - De fato, ao entrar na equipe da Habbid um membro tinha de sustentar uma certa responsabilidade, principalmente dependendo de qual cargo ele exercesse. Mas sempre foi muito importante para a equipe lembrar a todos de que, apesar dos apesares, o trabalho que desempenhávamos e o conteúdo que produzíamos ainda era sobre um jogo, cujo principal objetivo era nos entreter e nos liberar da pressão do mundo real. O Habbo deu a oportunidade para muitos adolescentes criarem personagens de si mesmos e se tornarem pessoas totalmente diferentes, se quisessem; essa liberdade criativa que sempre esteve ligada à diversão não poderia ser esquecida. Não seria tão legal se não se tratasse, primeiramente, de diversão e aprendizado!

Um lugar divertido com pessoas incríveis

Assim como o Habbo, a comunidade da Habbid serviu de plataforma para o nascimento de incríveis amizades - muitas ultrapassaram as barreiras de pixels. A experiência que a Habbid proporcionava, em que os membros da equipe poderiam se conhecer e crescerem juntos, aprimorando suas habilidades, certamente vai ser a maior lembrança de que todo o esforço valeu a pena. Fez parte da cultura da Habbid estimularmos o crescimento em conjunto, tendo como base quatro pilares: conhecer, conviver, ser e fazer (lema da Habbid desde 2014). Com as experiências que foram criadas aqui, com certeza muitos entraram na vida adulta muito mais preparados que seus colegas, pois a Habbid foi uma segunda escola. Ela, agora, faz parte do futuro de muitos. "O futuro dos jovens formados pela escola Habbid de respeito, pelo colégio Habbid de convivência, pela graduação Habbid de comunicação. Pela Universidade Habbid de Rádio, pelo curso Habbid de escrita, pelo aperfeiçoamento Habbid de design gráfico, pela academia Habbid de Jornalismo, pela técnica Habbid de Administração" (Fuuna). É claro, assim como em qualquer escola, sempre há aqueles alunos que apesar de passarem anos e anos no mesmo ano ou nível, ainda sim conseguem não aprender e não evoluir. Mas, mesmo nessas situações, é possível aprender com os erros desses que estão próximos e melhorar. 

Floresça

Nos últimos 2 anos, seguindo as tendências da própria Sulake quanto aos seus funcionários, a administração da Habbid promoveu uma maior fluidez entre cargos, objetivando o crescimento dos membros no sentido de que fossem capazes de realizar diversas atividades diferentes - um locutor se tornar jornalista ou um jornalista se tornar locutor ficou muito mais fácil. Se tornou parte da cultura da HD possibilitar que os membros de nossa comunidade pudessem crescer aprendendo uns com os outros. Num futuro próximo, acreditamos que isso será de grande proveito para todos que compartilharam dessa experiência.

Respeito, disciplina, criatividade

A estrutura interna da equipe da Habbid era dividida entre cargos de maiores responsabilidades e cargos funcionais, com os membros que movimentavam o site produzindo e adicionando conteúdo a ele. Nesse sentido, desde o início de suas carreiras de pixels, os habbos que passaram pela equipe foram introduzidos a ambientes onde o respeito com os colegas e superiores era encorajado e muito importante. O trabalho em equipe fluía muito bem nesse sentido, pois por meio de uma organização clean e bem dividida por funções, a maior parte dos potenciais poderiam ser bem explorados. Assim nasceram grandes membros por aqui, que levaram seus talentos para fora do mundo Habbo e hoje são exemplos para os que aqui passaram. 

 

Hábitos inesquecíveis da equipe

 


Acordar às 05h00 ou 06h00 da manhã só para postar notícia antes de qualquer outro jornalista;
Adicionar 45394219038 emblemas novos na aba e encher de notificações;
Passar 2 anos hospedando imagem por imagem para botar na notícia quando novos mobis eram achados;
Sempre zoar quando copiavam notícias da Habbid;
Esquecer de avisar no chat que estava fazendo a notícia e alguém fazer na sua frente;
Mandar alerta para usuário só com uma cor até começarem a identificar você por essa cor (isso foi proibido depois);
Virar moderador e ficar ansioso para dar o primeiro BAN;
Comentar em tópicos só para mostrar a tarja de MOD (2013 feelings);
Ter que passar horas formulando respostas para tickets de doentinhos;
Tá incomodado? Abre um ticket;
Fazer evento e esquecer de fechar o quarto após o horário;
Pedir para alguém anotar os nomes dos participantes, porque era muita coisa ao mesmo tempo pra um só promotor;
Esquecer de pedir a entrega de emblemas do evento;
Perder a hora de abertura do evento;
Pedir emblemas a um pixel artista, não gostar e pedir pra ele fazer tudo de novo;
Passar dias procurando um pixel artista vivo;
Ter que passar em 30 quartos pra pesquisar o valor certo de um mobi;
Ser xingado depois de adicionar o valor de um mobi e alguém não gostar;
Oferecerem propina para subir o valor de um raro;
Estar tranquilo assistindo um filme e te chamarem pra bater recorde de cadeiras kuurna;
Ser xingado por não bater recorde de mobis grátis;
Mandar o link da sua nova tirinha no chat só pra comentarem "kkkkkkkkkk";
Roubar piada de tirinhas de anos atrás;
Receber doações de ouvintes e reclamarem que você nunca sorteia;
Esquecer de botar a música na trilha e ficar falando no vazio;
Cair da rádio;
Invadir o quarto de desconhecidos;
E outros 500!

 

Hábitos inesquecíveis dos usuários

 


Xingar;
Xingar o Moreno;
Perguntar se o Mixixi era BOT;
Pedir promo a locutor;
Cobrar entrega de prêmios;
Abrir tickets mesmo sabendo que estava errado;
Desafiar a moderação, tomar BAN e reclamar de injustiça;
Comentar nos tópicos só pra upar mensagens;
Dar negativo em um tópico pra incomodar;
Reportar o promotor do evento pra ele ficar mudo;
Xingar o jornalista se ele desse resposta errada do quiz;
Eu posso falar mal da Habbid, mas ninguém de outro site pode;
Pegar mobis nas doações várias vezes;
Participar de conferências de locutores;
Floodar de madrugada escondido da Moderação;
Webnamorar e fazer drama pós-término no fórum;
Fazer pedido de música troll;
Postar notícia no fórum antes dos jornalistas pra tentar ganhar aquela vaga;
Comentar artes no PixelClub com "eXplendido!";
Apoiar a Habbid em todos os momentos e fazer dela um lugar inesquecível.


Seria impossível  escrever tudo aquilo que marcou para cada um de nós nesses 12 anos, não é mesmo? São muitos hábitos, inúmeros pequenos detalhes. Essa notícia é apenas uma lembrança, um reconhecimento e um obrigado a todos que contribuíram para a experiência inesquecível que a Habbid foi para cada habbideiro. A cultura que se formou só existiu porque muitos estiveram por aqui. Aproveite para comentar o que você lembra de marcante!

Até mais, Habbos

"Na natureza, nada se cria, nada se perde, tudo se transforma."


voltar
Nome: