Habbo volta atrás: é o fim dos RPGs?

Escrito por enjoadosdasul em 06/03/2018 13:06 na categoria Habbo Brasil/Portugal

Não é de hoje que a Habbid é um fã-site conhecido pela qualidade na veiculação de notícias relacionadas ao Habbo Hotel, não é atoa que diariamente somos responsáveis por informar a maior parte dos usuários do jogo, alcançando números que mesmo somando o de todos os outros fã-sites, não nos alcançariam, ou seja, tudo de "polêmico" que aqui publicado, tem uma velocidade de alcance muito rápida em toda a comunidade.

Ontem, publicamos uma notícia em forma de dossiê que anunciava a proibição dos RPGs dentro da comunidade luso-brasileira do Habbo, tudo isso motivado por alguns casos de racismo e pedofilia dentro dos roleplay's, confirmados por prints dentro do próprio hotel do Discord — programa parecido com o RaidCall, utilizado para comunicação de jogadores em RPG, além de imagens de e-mails respondidos pela gerência afirmando que teriam de tomar uma decisão sobre o fim dos RPGs. Usuários de todo o Habbo vieram até a Habbid, isso causou manifestações que lotaram quartos e repercutiu mundialmente, tanto é que, nossos amigos da HabboTravel fizeram uma notícia sobre.

Não tendo noção da rapidez da veiculação da notícia, nós a publicamos e isso impactou imediatamente no jogo, causando manifestações e atos de repúdio por parte de jogadores, como descrito acima. Hoje pela manhã, foi publicado um tweet pela conta oficial do Habbo PT/BR (@HabboPTBR) no qual desmentia tudo que aqui foi publicado e se esquivando de críticas feitas por jogadores, confira:

 

Contradição

 

 

Há alguns instantes, após procurar solidificar a informação entrando em contato com o Habbo Hotel, recebemos um e-mail escrito pela própria Morgana, no qual dizia que a staff do Habbo Hotel não iria proibir os RPGs do jogo, negando as outras respostas dadas até então. 

Apesar dessa afirmação, é interessante notar que entre ontem e hoje a categoria "RPG" de quartos havia sido retirada do game. Não obstante, o banimento de jogadores também vão numa linha de raciocínio contrária à dos staffs. Considerando o fato de que a equipe por duas vezes — tanto por e-mail quanto por ticket — afirmou com veemência o veto aos RPGs no Hotel, o esclarecimento postado demonstra uma clara instabilidade dos gerentes na tomada de decisões. Suas próprias palavras, evidentemente contraditórias, trataram de contrapor tudo aquilo que foi informado aos usuários através de vias formais. Num ato de evidente desrespeito não exclusivamente à comunidade, mas também aos fã-sites, que tanto se preocupam em veicular informações da mais alta qualidade aos usuários do Hotel, a equipe staff fez o uso dos mais baixos artifícios negando as evidências — como prints e afins — ali explicitadas e classificando de forma pérfida todo conteúdo divulgado como fake news.

Estamos mais convictos de se tratar de uma volta atrás por parte do Habbo do que propriamente um erro de notícia, visto a repercussão negativa entre usuários e o poder de manifestação dos jogadores que já há muitos anos são afetados por má decisões. A Habbid, como nos últimos 12 anos, é um veículo de expressão para a grande maioria que frequenta o Hotel todos os dias e nesse caso isso só ficou mais uma vez evidente.

Agradecemos aos que usam do site para se manifestarem e, ao Habbo, pedimos congruência.


Atenciosamente, 
Gerência de Jornalismo & Administração;

Habbid.com.br - Fã-site BR/PT/AO


voltar
Nome: