Habbo restringe idolatria ao Jair Bolsonaro

Escrito por Leotoddy em 19/08/2018 16:00 na categoria Habbo Brasil/Portugal

No Habbo Hotel não há problema em compartilhar opiniões [sobre política], sempre que não ofenda outros usuários”. Isso diz o texto do quiz para certificar-se como Cidadão Habbo.

Com a aproximação das eleições para Presidente, Governador, Senador, Deputado Federal e Deputado Estadual no Brasil, nos dias 7 e 28 de outubro, crescem as discussões políticas na internet, refletindo-se também no Habbo. Junto com as discussões, movimentos idolátricos e fanáticos também tomam força. 

Um dos movimentos que mais tem se destacado se refere ao candidato à Presidência da República Jair Bolsonaro, de postura conservadora e por vezes polêmica, mas que atrai seguidores que o apelidam de “mito” ou “bolsomito”. Os seus apoiadores por sua vez são chamados de “bolsominions” por pessoas de orientações políticas contrárias, levando a debates muitas vezes sem rumo.

Na tentativa de manter um clima ameno na comunidade Habbo durante o período eleitoral, funcionários da Sulake vêm a alguns dias censurando demonstrações de comportamento fanáticos. Para tanto, palavras e expressões como “bolsomito”, “bolsonaro 2018”, “bolsominion” e muitas outras já são filtradas pelo sistema de moderação automático do jogo.

Ao tentar digitar palavras como "bolsomito" será impresso bobba - o filtro de palavras do jogo.

A restrição também vale para quartos, grupos e nomes de usuários. Não há evidências que outros candidatos a Presidência ou de qualquer outro cargo político tenham sofrido a mesma restrição

 

 
 

O fanatismo político poderia também expor uma do sistema de moderação do Habbo, uma vez que as punições são parcialmente aplicada por jogadores, através da ferramenta de Guardião. Numa discussão entre usuários, facilmente alguém poderia ser denunciado, julgado e penalizado com restrições no Hotel caso o comitê de guardiões politizar o sistema.


voltar
Nome: